Facebook
Instagram
Whatsapp

BLOG

Home  /  Ponte Santos-Guarujá

Ponte Santos-Guarujá

A Ecovias, concessionária de rodovias que explora o Sistema Anchieta-Imigrantes (ligação entre São Paulo e o litoral paulista), aguarda a conclusão do licenciamento ambiental do projeto de construção de uma ponte entre as cidades de Santos e Guarujá estimada em R$ 2,9 bilhões.

O projeto foi desenvolvido no ano passado e destaca a ligação que deverá melhorar a movimentação de cargas no porto de Santos e a mobilidade urbana na Baixada Santista.

A criação de uma ligação rodoviária direta entre essas cidades é um desejo antigo, dado que os primeiros estudos e propostas remetem à década de 1950. Ainda hoje a ligação entre Santos e Guarujá é feita por balsas e por rodovia pedagiada - esta última integra a concessão da Ecovias.

A ponte iniciará na chegada de Santos, no Sistema Anchieta-Imigrantes, na altura do Porto, cruzará o estuário na altura da Alemoa, passando pela Ilha Barnabé e chegará do outro lado na Cônego Domênico Rangoni, quase no acesso a Rio-Santos e terá cerca de 7,5 quilômetros de extensão.

Durante o desenvolvimento do projeto foram estudadas rotas alternativas para o acesso à ponte pelo lado do Guarujá, com o objetivo de atender a solicitação da prefeitura desta cidade, que desejava preservar o corredor comercial existente na Av. Ademar de Barros.

A concepção estrutural adotada para o projeto foi de uma Ponte Estaiada. Tal alternativa foi escolhida devido a alguns diferenciais que apresenta, dentre os quais:

  • Manutenção do canal liberado durante as obras permitindo o trânsito de navios de todos os portes até o Porto de Santos
  • Possibilidade de implantação de um mirante com elevador ou marco arquitetônico
  • Maior conforto na travessia
  • Requalificação urbanística das áreas das instalações de apoio às operações das balsas

Hoje os caminhões que precisam acessar a margem oposta levam 1h30 mais ou menos. Com a ponte, a previsão será de menos de 40 minutos.